Os Meus Artigos

terça-feira, 14 de julho de 2009

Doença da panela...


... (de)pressão!

Conforme vos contei no post anterior, a vidinha da Cenourita já teve melhores dias do que nos últimos tempos. Desde certa altura, em que me comecei a sentir menos bem, com crises tremendas de ansiedade, fui ligeiramente medicada para me aguentar perante sérias e delicadas situações por que estava/estou a passar. Uns dias melhor, outros menos bem cá me fui orientando até à altura em que vos falei da goteira de relaxamento que tive que começar a usar. Nessa altura comecei com dores horrivéis e um mau estar permanente que julguei provocadas pelos dois dentes que tardiamente resolveram querer ver a luz do dia, mas... não era esse o motivo, estava tudo bem com os meus dentinhos. Deixei de conseguir abrir a boca, sempre com imensas dores e fui lireralmente obrigada a consultar uma especialista de oclusão. Fez-me uma sessão de fisioterapia com anestesia para obrigar a mandíbula inferior a ir ao sítio, estava deslocada, daí as dores e eu não conseguir abrir a boca. Saí de lá bem melhor, sem dores e a abrir a fechar a matraca como antes. Disse-me que o problema partiu do sistema nervoso central e que teria que usar a dita goteira de relaxamento por tempo indeterminado, o que tenho feito desde então. O tempo foi passando, melhorei do maxilar, mas comecei aos poucos e a cada dia que passava, a sentir alterações em mim. Impaciência, irritabilidade, perturbações de sono, visão turva, suores tremendos, raciocínio diminuído, falta de atenção e concentração e até um certo distúrbio a nível motor. Todas estas alterações fizeram com que eu não conseguisse fazer a minha vida normal, quando saía à rua tropeçava nos paralelos do passeio, errava os degraus, esfolei pára-choques e embaladeira da minha latinha a entrar na garagem, por duas vezes me cortei (quase separei a cabeça de dois dedinhos), não tenho conseguido ler, nem escrever, nem estar mais do que cinco minutos no PC... e mais uma serie de coisitas que se vos contasse até se rebolavam a rir, tal como eu me chego a rir das asneiras que tenho feito e dito. Chegou o dia em que não aguentei a angústia que se apoderara de mim, tudo estava mal e resolvi marcar consulta para uma Neurologista. Ansiosa pelo dia marcado, lá fui... até saí de casa bem e, mal entrei no consultório desatei num choro que mal conseguia explicar o que se passava comigo. A médica foi excelente comigo, com muita subtileza lá me conseguiu acalmar, perante tudo aquilo que viu e ouviu de mim, mais muitas perguntas e exercícios que me fez para determinar os meus reflexos e o meu estado de equilíbrio/desequilíbrio, medicou-me e só vos digo, ando completamente dopada. Já durmo bem, não sinto qualquer tipo de ansiedade, tenho feito muitas mudanças e arrumações na Tasca e cuidado da "espécie" de jardim da varanda e terraço, mas em termos de atenção e concentração contínuo na mesma, provavelmente ainda não deu tempo para sentir melhoras.

Nesta fase, preciso andar tranquila, em paz, preciso muito de compreensão e o meu pessoal cá da Tasca é sempre o meu grande apoio, sem eles nem quero imaginar o que já poderia ter acontecido. Uma grande amiga também me tem ajudado muito e claro que, todas/os vós que me continuam a visitar, são sem dúvida um grande incentivo e me dão uma grande força para aqui voltar e visitar os vossos cantinhos.

A história da doença da panela já vai longa, mas se ainda tiverem paciência para me ler, vou contar-vos sobre mais um dia inesquecível e que me fez revigorar.

Na tentativa de me fazerem sair de casa, passear um pouco e distrair, o pessoal da Tasca conseguiu convencer-me e, no passado sábado fui levada até Lisboa. Visitar a mega loja Ikea e como não podia deixar de ser... umas belas comprinhas cá para a Tasca! As amigas e manas Isabel e Cláudia e a filhota Carolina foram ter connosco, foi mais um dia de animação inesquecível, muita canseira porque nos fartámos de andar e depois carregar tudo para a latinha... xi... e coube tudo! O final do dia em grande e depois de uma jantarada no Mc Donald's da 2ª Circular, onde à saída fomos brindadas com um relincho de égua pura Lusitana (parece que há um picadeiro ali ao pé e ainda não percebi porquê, mas... os equídeos perseguem-nos), rumámos a casa dos papás das meninas, revimos os meus afilhados miaus que estão lindosssss e conhecemos um casal super simpático que nos recebeu maravilhosamente bem! Amigas, a vossa Mami e o vosso Papi são um encanto de casal, um primor de família! Adorámos o dia que passámos, adorámos rever os miaus, adorámos conhecer os vossos pais! A amizade que começa por meio virtual, passa a real e vai-se estendendo... isto é a verdadeira Riqueza da Vida!

Regressámos a Leiria, 02h00, como o tempo passou tão rápido e esperávam-nos à porta da Tasca os bebés Petit Manuel e Lira Maria!

- Isto são horas de chegarem? - perguntava o Petit Manuel

- E pindinhas? Pindinhas pós pinxexos? - perguntava a Lira Maria

E nós, em coro:

- Pindinhasss??? Seus marotos!!! Claro que trouxemos pindinhas!!!

Como vos disse no post anterior... isto Vai Melhorar ou eu não me chame,

22 comentários:

Anónimo disse...

As melhoras tanta descansar um bocadito e fazer o que mais gostas


Jocas

ana paula

Cláudia M. disse...

Minha linda, as coisas já começaram a melhorar! Agora, é pé no acelerador da máquina melhoradeira, e sempre em frente!

Já se nota na tua escrita que estás a melhorar a olhos vistos: fartei-me de rir com as tuas descrições. Sinceramente, tb não percebo pq é que, onde quer que vamos, lá se ouve aquele relincho... Que grande mistério!!

BEIJINHOS :)

Docinhos e Miminhos da SweetSofia disse...

Olá.. bem a vida nem sempre é facil.. e a correria em que andamos por vezes deixa-nos exaustos..
vais ver que agora acompanhada e medicada tudo vai correr bem..
beijinho grande e força

MJ disse...

Já tinha saudades de um post teu. As melhoras.
Bjs
MJoão

Abóbora Amarelinha disse...

mesmo sem ler concordo contigo, já começas-te a apitar?

becodosprazeres disse...

também passei por essa fase da depressão em que tudo fica alterado e nem se sabe muito bem o que se têm. e custa um bom bocado animar e controlar toda a ansiedade que costuma andar à mistura. mas, há sempre um mas, o primeiro passo para melhorar é saber o que se têm. daí para a frente já se pode fazer alguma coisa. e as coisas vão melhorar. e a cenourita qualquer dia mal se apercebe e já está de volta para gáudio das leitoras e dos pinxexos ;) * sofia

Smsn - artes e ideias disse...

AS MELHORAS!!!!!

um beijinho grande e fofinho!!!!

bjks

Estados da Alma disse...

É a 1ª vez q a visito e não posso deixar de lhe dizer, força e coragem! A vida tem dessas coisas ,mas a seu tempo Deus melhora! Até pq tem uma Tasca para cuidar ;)
Um beijinho cheio de energia!

Anónimo disse...

D. Cenourita, chamo-me Sandra http://ideias-aromaticas.blogspot.com/, já há muito que queria escrever-lhe para lhe dizer o quanto gosto do seu blog, mas a vida é uma correria e hoje achei que era a melhor oportunidade para o fazer depois de ter lido o seu desabafo.
Desejo-lhe as melhoras, descanso e divertimento com as pessoas que ama.
Espero que melhore o mais rápido possivel para não estarmos ao abandono.
Beijinhos e festinhas para os miaus.

Verdinha disse...

Minha querida, para j+a, é so pensares que td se ha de reslver e claro está, vais ficar como nova! Entretanto vai contando c a força de todos!

Um grande beijinho e as melhoras!

ameixa seca disse...

Este Verão anda muito cinzento pahhh, ninguém anda bem da mioleira... está tudo a precisar de renovar os parafusos! Valha-nos os relinchos, senão não sei o que seria :)
Força nisso Cenourita!!!

A Trofa tem Cozinheira disse...

Gostei de ler.... li tudo!!!
Vou a leiria este fim de semana tb!! ADORO estar lá..tenho grandes amigas "virtuais" q foram ficando ao longo da vida..são dos meus tesouros inesgotáveis, são preciosas!!

Espero que melhores rapidamente senti bem o q disseste no teu texto e mtas coisas encaixaram em mim!!

Cá virei sempre a este tasco desanuviar-te e tratar-te "da saude" e dar-te aqui um grande abraço ou nao fosse eu da TROFA!!

Aqui fica bem grande :******


força.... pequena! beijinhos

Fátima disse...

Minha amiga, tudo nessa vida passa, e as coisas ruins parecem que demoram mais um bocadinho pra passar, porém passa!!!

Isabel disse...

Amiga, eu já te acho mais animada neste post. Acho que a Cenourita Maria está a voltar em grande forma!!!
Aquele relincho na segunda circular foi prova disso!
Um beijão e muita força.

Noémia disse...

Minha querida, qualquer dia a PJ começa para aí a investigar o mistério dessa égua brava que corre o país de Norte a Sul, digo-to eu!
Quanto às altas e baixas pressões, conforme os dias, anima-te, todas passamos por fases (fezes?) dessas na vida. Vêm quando querem, sem sabermos bem porquê mas com o tratamento certo e muita paz e sossego a coisa vai ao sítio.
Não te preocupes demasiado nem vigies a panela muito de perto nem muitas vezes e quando deres por isso estás curada.
Com que então muitas comprinhas,amiguinhas e festa heim? Isso é que é tratamento e faz bem! :)

conceicao disse...

As melhoras, muita força.

*-._.-* Anita *-._.-* disse...

Espero que logo esteja melhor...

bjssssssssssss

Elisabete disse...

Melhoras rápidas e muita coragem para enfrentares este periodo menos bom.

Baú da Conceição disse...

Cenourita,como te compreendo...

Esta fase vai passar rápidinho, e com ajuda das meninas cá da turma, relinchos e comprinhas, e farra até as tantas passa mais depressa... malta onde é o proximo encontro esse eu quero assistir até ao fim.

Beijinhos

moranguita disse...

cenourita espero que as tuas forças voltei.

nada que os dias de descansio nao ajudem a recuperer e claro mimos.
beijinhos

gasparzinha disse...

Somos todas umas super-mulheres, mas de vez em quando os superpoderes ficam em baixo e perdemos um bocado o rumo...

Nada que umas boas cenouradas não resolvam!
Força e confiança: o Verão está aí cheio de luz e cores!

Um grande beijinho e boa energia. :)

Cenourita disse...

Minhas Queridas
Um imenso abraço a todas vós pelo vosso carinho. Acreditem que a blogoesfera me tem trazido tudo de bom, ainda que a maioria de vós eu não conheça na vida real, considero todas como parte de mim, da minha vida, das minhas amizades.
Aos poucos vou levantando o astral e tudo vai voltar a estar bem :)

Muitas Beijocas***

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...