Os Meus Artigos

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Notícias das últimas quase quarenta e oito horas...

... e, de duas baratas tontas!


A barata tonta mais velha, acorda, dá meia volta e tenta a todo o custo retomar o sonho interrompido. A barata tonta mais nova, acorda, levanta-se, faz uma xinfrineira do catano que até os gatos se assustam e a Miss Piu desata num berreiro e trepa grades acima da sua casinha na ânsia de que lhe abram a porta. A noite havia sido mal dormida, preocupações a latejar na cabeça de uma barata tonta, ansiedades aos pulos na cabeça da outra barata tonta. E, os bichinhos da tasca, taditos, sem culpa nenhuma... até eles andavam tontos.
- Titó! Pah! Tem calma! - a barata tonta mais velha a espumar pela boca.
- Mãe Bela! Pah! Qual calma? - a barata tonta mais nova impaciente e a revirar os olhos.
Planos para sair porta fora, andar sem destino, queimar gasóleo, hidratar as vistas e tentar dar sumiço às lagartas que se instalaram nestas duas mentes, completamente tontas!
Depois de um elevado número de tarefas a cumprir, lá saem elas, armadas em turistas, de chinelo no pé e óculos escuros nas trombas. Quais gajas boas vistas do lado de fora da latinha, e desmesuradamente tontas, do lado de dentro!
- Titó! Pah! Tem calma!
- Mãe Bela! Pah! Qual calma?
O disco mantinha-se riscado, não havia conversa, apenas preocupações e ansiedades.
- Por aqui? Ou por ali? - a barata tonta mais velha, indecisa.
- Por onde quiseres! Tanto faz... - a barata tonta mais nova, alheada.
A latinha adivinha-nos o pensamento e sózinha, com duas baratas tontas lá dentro, conduz-nos por caminhos até chegar ao mar. As conversas não faziam sentido, apenas pequenos sons se atreviam a sair daquelas duas bocas, privados de qualquer raciocínio, cortados pelos pensamentos, abandonados ao destino de cada mente... completamente tonta!
- Vamos parar aqui!
- Para quê?
- Apreciar a paisagem!
- Não, não é preciso!
Num acto mecânico que só ela sabe, a latinha imobiliza-se com confiança. Abre-se a porta e impulsionada pela vontade de respirar aquela brisa com cheiro a mar, a barata tonta mais velha salta de máquina fotográfica em punho.
- Só paraste para tirar fotografias!
- Salta daí! Anda ver as ondas!
- Não m'apetece!
- Apetece-me a mim!
A latinha segue o seu caminho, com paragem aqui, ali e acolá. O assunto não muda, as palavras fracas, os suspiros carregados, as mentes... completamente tontas!
- Titó acorda!
- Uh! Onde estamos?
- Aqui!
- Onde fica isto?
A brisa do mar não parecia, de todo, conseguir nutrir aquelas duas mentes tontas. Não brotavam raios de luz nem relâmpagos de deslumbre. O assunto não mudava, as palavras quase mudas, os suspiros firmados, as mentes... completamente tontas!
- Está na hora de regressarmos!
- Estamos de regresso!
- Uh! Onde estamos?
- Aqui!
Não fosse a latinha, um verdadeiro e confiante veículo de transporte de baratas tontas, ainda hoje e a esta hora... andariam por aí, completamente perdidas, duas mentes... completamente tontas!
Seguiu-se outra noite, de loucos, de voltas e reviravoltas, de sonos ausentes, de preocupações e ansiedades constantes e presentes... nestas duas mentes irreversivelmente tontas. Os gatos sem sono, alterados no comportamento. A Miss Piu sem sono, irrequieta no poleiro. As duas baratas tontas saltam do leito e a tão desejada notícia é finalmente revelada...
- Yes! Yes! Yes!
- Yes! Yes! Yes!
- Mãe Bela! Pah!
- Titó! Pah!
- Acabei o curso!
- Acabaste o curso!
- Estou Licenciada!
- Estás Licenciada!
Gritos e risos, sons histéricos. Mudou o assunto. As palavras fizeram eco! Os gatos saltaram para cima da cama de cauda em riste! A Miss Piu gritou alto sons novos e desajeitados! As baratas tontas não cabiam em si de felicidade e alegria! E, mesmo assim, têm a sentença lida... continuarão tontas, cheias de preocupações e ansiedades, mas... especial e completamente tontas!


9 comentários:

Missy disse...

parabéns à nova licenciada e à mamã babada que deve de estar muito orgulhosa da sua filhota.

bjka

conceicao disse...

Parabéns e muito sucesso.
Bjs

Storyteller disse...

Muito bom! Excelente relato!
Já agora... PARABÉNS!!! PARABÉNS!!! PARABÉNS!!!

Beijos mil***

Sissamar disse...

A barata diz que tem um curso já concluido! Muito bem parabéns ás duas! Mãe Bela, que sufoco, filhos criados sarilhos dobrados, e a minha ainda só tem 6 anos e já me dá água pela barba se quando for grande me der o dobro... olha vou ser outra barata tonta!!!
Bejinhos

Abóbora Amarelinha disse...

Possa que fiquei tonta com esse relato, atão e a bola de berlim?
Deixa-te lá de coisas que os parabens e os louros são para a titó, não são para ti.
mania pá... a miuda é que se levantava cedo, estudava, trabalhava, e os parabens são repartidos, é pior que nas touradas, os forcados é que vão pós cornos do boi e o cavaleiro é que recebe as flores, heheheh
beijinhos

Susana Gatita disse...

Parabens ás duas baratas tontas. NE não me digam que não comemoraram com meia duzia de bolas de berlim.... Bem merecidas que elas eram.. Beijinhos as duas

Sandra disse...

Muitos parabéns à filhota e à mãe babada.
Bjs.

Noémia disse...

Parabéns às duas baratas, que de tontas não têm nada! :)

Luna disse...

Parabéns, meninas!!! Fico muito contente pelas duas. Agora é descansar só um bocadinho... ;)

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...