Os Meus Artigos

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Será possível...

... que certos objectos, de repente, ganhem vida própria???


  • Um par de óculos de sol... ausenta-se para parte incerta! Não sei se aproveitou o bom tempo e foi de férias ou se alguém aproveitou uma distracção... e os levou de passeio sem volta!

  • Um par de lâmpadas... num candeeiro de tecto alto e dificil acesso, desenroscam-se as ditas! Não sei se rodopiaram com algum pico de energia ou se resolveram dar um pézinho de dança ao som da musica que se ouvia, vinda sabe-se lá de onde!

  • Outro par de óculos... os graduados para ler e escrever, uma das lentes zanga-se e resolve abandonar a outra e o grampo que as segura!

Enfim...


6 comentários:

ameixa seca disse...

Cenourita, tens que começar a tratar melhor os teus objectos amiga :)

Cenourit@ disse...

Ameixita
Eu trato-os tão bem, mas tão bem... que não compreendo porque me estão a fazer estas desfeitas...

Beijocas***

fénix renascida disse...

Gostei deste post:)))

Estas petições interessam essencialmente a nós, mães. Lê, e se estiveres de acordo, assina. Divulga por quem partilha a mesma opinião.

http://www.peticaopublica.com/?pi=P2010N1902
http://www.peticaopublica.com/?pi=P2009N575
http://www.peticaopublica.com/?pi=P2010N1300
http://www.peticao.com.pt/guarda-compartilhada

Uma última, pelos deficientes:
http://www.peticaopublica.com/?pi=P2009N134

Há duas petições novas: a primeira e a última.
Quanto às restantes, é sempre bom dar uma vista de olhos, pois pode dar-se o caso de alguma delas te ter passado ao lado...
Quanto mais assinaturas, melhor!

Noémia disse...

Olha .minha querida, não fiques confusa que não vale a pena!
Cá por casa os objectos sempre foram muito autónomos, nós é que ficamos doidos atrás deles!
Agora gostei imenso desse par de lâmpadas! É um mistério tão grande como o da minha máquina da roupa que come meias do meu marido deixando os pares todos desaparelhados e o das tampas dos meus tupperwares que imigram para parte incerta sem darem notícias e deixando as caixas na maior inutilidade!:)

Storyteller disse...

Como eu te compreendo...
Cá em casa, estou mesmo convencida que há um buraco negro. Enfiaram-se lá um par de botas Timberland, uma bata de laboratório, o livro «Há um cabelo na minha terra», um iPod Shuffle e uma fotografia a preto e branco de um bode.
Nunca apareceram! É daqueles mistérios bem misteriosos...

Cenourit@ disse...

Afinal... não é só na Tasca que existem "buracos negros" :)

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...