Os Meus Artigos

sábado, 27 de novembro de 2010

Uma pizza "du best"...

... e a decisão bimbólica!

Na sequência dos post anterior, uma das demonstrações apresentadas foi a massa para pizza. Feita num abrir e fechar de olhos, levedada em pouco tempo e excelente. Comparando com a massa que faço habitualmente na MFP, não tem nada a ver. É super rápida, leveda em pouco tempo, estende-se fácilmente e fica alta e muito fôfa. Guardei-a no frigo de ontem para hoje. Tirei-a cerca de uma hora antes de a utilizar, estendi-a sobre papel vegetal directamente no prato-forma de cozer pizzas com a ajuda do rolo da massa sem que se pegasse ao dito nem às minhas mãos. O recheio foi ao meu gosto. Farinheira. Uiiii!!!

PIZZA DE FARINHEIRA


massa de pizza qb
polpa de tomate qb
oregãos (muito)
queijo mozzarella ralado
2 farinheiras do Fundão
azeitonas pretas descaroçadas e cortadas em rodelas

Estendi a massa para pizza sobre papel vegetal directamente na forma de ir ao forno. No centro, deitei a polpa de tomate que com a ajuda de uma colher, espalhei em círculos até à orla. Povilhei com bastantes oregãos e depois com queijo ralado ocupando toda a superfície da massa. Enquanto isto, levei ao micro-ondas as duas farinheiras por dois minutos, para poder retirar-lhes fácilmente a pele. Esfarelei-as sobre o queijo, numa camada bem alta e bem preenchida. Salpiquei por cima com mais oregãos, azeitonas e finalmente, mais queijo ralado.


Forno pré-aquecido a 180º e tabuleiro lá para dentro cerca de vinte cinco minutos.


O resultado, não poderia ter sido melhor!!! Du best!!!

Agora a parte difícil. Tenho visto pela blogoesfera muito daquilo em que a bimby é excelente, sobretudo a sua eficiência no aproveitamento de tempo e na rentabilidade de confecção de tão variadas iguarias quase em simultâneo. Rendi-me completamente às faculdades desta máquina.

Mas, há sempre um "mas"!... Lamento mesmo muito, não estar, presentemente, ao meu alcance a sua aquisição. O preço é excessivo e, apesar das facilidades de pagamento, não faz parte de mim nem da minha condição financeira, adquirir um bem que não é essencial sem saber se terei sempre condições de cumprir com o fraccionamento apresentado. Por outro lado, também sei que não iria usar diáriamente, pois tenho uma forma muito própria, organizada e prática de cozinhar e gosto dos tachos e das colheres de pau. Gosto de levantar a tampa e mexer, provar, deixar apurar mais ou, menos, gosto do tradicional, como aprendi e sempre cozinhei e, também tenho há mais de quinze anos, um conjunto em aço da IMCO Waterless que me permite cozinhar mais rápido do que com outro tipo de tachos e também a cozedura a vapor. Para além de toda umas parafernália de pequenos electrodomésticos que desempenham as suas funções e me ajudam bastante.

A menina que me fez a demonstração, chama-se Rita e é de cá, de Leiria. Não tem nada a ver com blogues de culinária e contou-me que adquiriu a máquina há dois anos. Foi nessa altura que se tornou demonstradora/vendedora para a pagar. Contou-me também que se fascinou pela cozinha, coisa que não gostava, e que faz este trabalho com muito gosto, foi notório, e em regime de part-time. É uma menina novinha e super simpática.

Por agora não, mas talvez, quem sabe... noutra altura. Ah e fica sempre a esperança de que "alguém" me queira presentear com a Famosa Bimby ;)


6 comentários:

são33 disse...

MAS ESSA PIZZA FICOU UMA MARAVILHA, NUNCA COMI DE FARINHEIRA , MAS GOSTEI MUITO DA SUGESTÃO.
BJS E BOM DOMINGO

Sissamar disse...

Pois, o preço é a parte feia dessa Bimby! Eu tb adoro cozinhar, mexer, provar, queimar-me, queimar as pegas ehehehehe, mas como já disse há sempre aqueles dias em que a vontade é menor!
E essa pizza... eu sei que isto até pode ficar mal a uma mãe de familia mas eu se podesse comia pizzas e hamburgueres do McDonalds todos os dias eheheheheh, só Deus sabe o sacrificio que eu faço quando vamos a algum lado e vemos o gigantesco "M" e a minha filha me pede logo e eu tenho de lhe dizer que não!!! Pronto, de quando em vez lá faço a vontade ás duas, mas não pode ser sempre não é? Tenho de dar o exemplo... mas só eu sei quanta água na boca eu engolo quando passa por uma pizzaria ou casa de hamburgueres!!! Cá em casa costumo fazer a pizza, faço a massa na máquina do pão mas deparo-me sempre com o problema ao entende-la! É demasiado elástica e primeiro que "quebre" aquela elastecidade, ali estou eu com o rolo na mão!!!
Beijinhos e boa semana!

SoraiaSilva disse...

Pizza de farinheira parece-me uma excelente ideia :)
Delícia!
Beijinhos*

moranguita disse...

pois esse e o mal da bimby demasiado cara
mas bem pode ser que um dia tamebm me seja possivel ou nao,
tenho maisores sonhos que esse
beijinhos

Deia disse...

Eu que não gosto nada de cozinhar, acho que uma Bimby me iria dar um jeitão! Mas ainda é muito carota...

chris disse...

Parabéns seu blog e uma gracinha e eu estarei sempre por aqui para nao perder nenhuma das suas novidades, estarei te seguindo !!
bjs

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...