Os Meus Artigos

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Tantas tentativas falhadas...

... mas nunca desistir de conseguir!
Desde que me conheço a traquinar no meio dos tachos, dos ingredientes e do fogão, era eu ainda uma criancinha, nunca consegui fazer um pudim molotof. Ou crescia demais e depois de sair do forno encolhia tanto que mais parecia uma bolacha. Ou ficava todo queimado. Ou não se desenformava. Ou se estrampalhava todo. Aquilo era sempre um drama e asseguro arrisquei mesmo muitas vezes e sempre com a convicção de que um dia sairia perfeito e comestível.
Ultimamente tenho-me dedicado um pouco a tentar resolver esta espécie de falhas consideradas graves no centro existêncial de uma cozinha, que é a minha!

PUDIM MOLOTOF


12 claras de ovo
12 colheres sopa de açucar
1 pitada de sal
manteiga qb

Comecei por ligar o forno e deixar que atingisse a temperatura de 200º. Bati as claras com uma pitada de sal em castelo bem firme. Fui juntando o açucar aos poucos com o cuidado de o envolver bem nas claras. Barrei uma forma com manteiga. Deitei o preparado e levei a cozer em banho-maria mais ou menos durante quinze minutos. Desliguei o forno, abri ligeiramente a porta para o calor ir saindo lentamente e só depois de quase frio é que retirei o pudim (não abateu nadinha). Desenformei-o.

250 gr açucar + 1 colher sopa de açucar baunilhado
2,5 dl água
6 gemas de ovo
2 colheres sopa leite

Bati as gemas com o leite enquanto foi ao lume o açucar com a água que deixei ferver alguns minutos, mexendo de vez em quando. Retirei do lume e deixei arrefecer um pouco. Juntei o batido das gemas com o leite e envolvi tido com a ajuda da varinha mágica. Voltei a levar ao lume mais uns minutinhos até engrossar e mexendo sempre. Quando achei que já estava no ponto certo, retirei e cobri o pudim com este creme de ovos. Levei ao frigo a arrefecer e... na hora de o servir até eu fiquei surpreendida com o resultado... Consegui!



São servidos?


20 comentários:

maria mendonça disse...

Parabéns, que belo resultado.
Aqui fica um lição, nunca desistir, algum dia conseguimos o sucesso.
beijos

Ana Powell disse...

Nunca intentei fazê-los, mas adoro-os.
O teu tem excelente aspecto.
Feliz fim de semana ♥

Anónimo disse...

Estivesse eu mais perto e íamos ver se tinhas coragem de oferecer!! Paarabéns pelo excelente resultado. Bom fim de semana e descansa pois já o mereceste. Bjs Guida

BETO disse...

Parabéns pelo ótimo resultado. Eu nem vou tentar. Se você levou anos para conseguir, eu só conseguiria em outras vidas. rsrsrs. Bjs.

wednesday disse...

Parece delicioso! :)

Bichinha disse...

Ficou perfeito... mas mais do que a foto foi ler uma palavra que eu bem conheço da minha infância... "estrampalhava", aos anos que não a "lia" e já me tinha esquecido que existia... bastou uma palavra para viajar no tempo e sentir o cheiro a terra do recreio da escola :) bom fim-de-semana.

Gisela disse...

Cenourita, fizeste muito bem em nunca desistir, porque valeu as tentativas, este ficou de profissional, e que bom que deve ter ficado.
Um beijinho e bom fim de semana

Susana Gatita disse...

Coisa mai linda o teu Molotof!! Até estou aqui a babar....

paula MARIANA disse...

Pois eu já desisti de fazer tantas são as borradas, fica sempre baixo e horrivel. Sua sortuda, que molotof mai bonito e guloso, PARABÉNS!!

Beijinhos e bom fim de semana!!

Alice disse...

Que beleza de pudim!! Deve ter ficado uma delícia. Beijos

Sónia N. disse...

Está um espectáculo, ainda bem que desistir não foi uma opção.

Eu nunca tentei fazer nenhum, acho que foi de tanto ouvir falar nestes desastres...
Bjinho

Missy disse...

Parabéns por teres conseguido, a 1ª vez que fiz, também foi com muita apreensão ! mas resultou, já não faço
há tanto tempo !!!! era para fazer pelo natal, mas o tempo não deu para tudo !

bjkas e com fim de semana

Cenourit@ disse...

Maria
Desistir dos nossos objectivos, nunca! Nem que seja uma receita tão simples e básica quanto esta e que levem tempo infinito para se concretizar.

Ana Powell
Tenta fazê-lo, vais ver que vai valer a pena.

Guida
Eu parto e reparto e ao contrário do famoso ditado, a melhor parte seria para ti!

Beto
Eu levei anos, mas quem sabe se o tentares fazer te sairá bem logo à primeira!

wednesday
Pudim Molotof nunca foi a minha sobremesa de eleição, mas... com este resultado fiquei fã ;)

Bichinha
Ficou mesmo perfeito e adoro a palavra "estrampalhado", também me recorda a infância e quando a escrevi foi precisamente porque desde essa altura da vida eu tentava fazer este pudim ;)

Gisela
Não digo que tenha ficado "de profissional" mas que ficou bom, ficou e desistir... nunca! :)

Susana Gatita
Para a próxima vez, vens cá comer uma fatia ;)

Paula Mariana
Todos os que fiz, e foram muitos, saíram mal, mas há que insistir até que um dia sairá bem :)

Alice
Ficou uma gostosura boa demais ;)

Sonia N.
Vale a pena tentares :)

Missy
Agora que lhe apanhei o jeito também vou fazer mais vezes :)

Beijocas a todos***

Mari - Strawberrycandy disse...

Ficou fantástico!
Beijinhos
http://strawberrycandymoreira.blogspot.com/

hannah disse...

Nhammmm, NHammmm, aiiii se eu vivesse aí por essas bandas... fazia-me convidada, acampava á tua porta ate me dares uma bela fatia de belo molotof... >Eu tenho um grave problema é com o nome dele... Uns dizem Molotov outros Molotof... sempre o conheci como Molotof... mas...
Parabens... Desistir é morrer, devemos sempre tentar porque no meio de mil tentativas falhadas... 1001 nos saem bem!!!!

Beijinhos e bom fds!!!

Cupcake disse...

Eu sou servida!!! Sai uma fatia gigante para mim e para o ser em desenvolvimento dentro da minha pança!!! :)
Um dia ganho coragem e tento fazer esse pudim, nunca tive coragem. :)

cozinha da tia Adelaide disse...

Ficou perfeito, parabéns.
Bjs e boa semana

Abóbora Amarelinha disse...

o meu problema com os molotofes é bem diferente, eu coloco-os nos forno e quando vou tirar só está a forma, ainda hoje não percebi porque buracos é que eles se escafedem.
ontem fiz um pudim de laranja deliciosamente horrivel, está a foto guardada para quando tiver coragem de postar.
beijinhos

Isa Duarte disse...

Eu tambem é daquelas receitas básicas mas que me corre sempre mal, ficam sempre pequeninos ou baixa, ou partem-se enfim. O teu ficou lindo e enorme, parabens! :)

Cenourit@ disse...

Mary
Ao fim de anos a tentar... já merecia uma coisa assim fantástica ;)

Hannah
Se estivesses aqui perto com todo o gosto de convidava para provares esta minha proeza. Quanto ao nome, para mim é molotof mas também há quem lhe chame molotov, mas desde que se coma o nome não interessa nada ;)

Cupcake
Teriam que ser duas fatias gigantes, uma para ti e outra para o rebento. Não quero que o teu bebé nasça aguado ;)

Cozinha da Tia Adelaide
Bem vinda à tasca :)
Perfeitinho mesmo!

Abóbora Amarelinha
O teu forno tem um buraco negro?
Do meu nunca desapareceu nada, mas houve experiências em que de tanto crescerem lá dentro até sairam porta fora e se espalharam pelo chão da cozinha.

Isa Duarte
Bem vinda à tasca! :)
Somos vizinhas???
Não desistas! Um dia vai sair bem :)

Obrigada a todas e beijocas***

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...